Hospital Di Camp | Hospital Campo Grande
Pular para o conteúdo
+55 (21) 3198-1700 | +55 (21) 3198–1720
+55 (21) 99413-4995

Nossa História

No ano de 1998, Dra. Maria Lucia Trindade Schmidt e seu marido Dr. Luiz Antônio Schmidt chegaram em Campo Grande para conhecer um prédio, onde funcionara uma clínica anteriormente, que encontrava-se fechada e em reforma para ser um futuro hospital já batizado de Hospital Camp D’or. Com fortes valores humanos e éticos, aliados ao objetivo de proporcionar um atendimento médico de excelência e garras capazes de apagar qualquer passado ruim que a antiga clínica pudesse ter deixado, começaram naquele dia uma história de luta, competência e força.

Ainda no início Dra. Maria Lúcia foi obrigada a assumir a direção do Hospital, motivado pelo afastamento do seu marido por motivos de saúde. Administrou por muitos anos a família e o Hospital, com a ajuda de verdadeiros amigos e colaboradores que acreditavam no seu sonho. 

Quase 20 anos depois, o Hospital Di Camp é administrado por uma nova geração, norteada pelos mesmos princípios da sua presidente, que acredita ser possível acelerar a recuperação dos pacientes construindo um ambiente que transmita maior segurança através da aproximação de todos os envolvidos no tratamento.

Serviços

É um exame de diagnóstico que permite a visualização das veias e artérias do corpo, através de equipamento moderno capaz de reproduzir imagens em 3D, muito útil para diagnóstico de doenças coronarianas e cerebrais. Esse exame exige preparo de pelo menos 4 (quatro) horas de jejum por necessitar de administração de contraste.

Conjunto de diversas especialidades médicas. Inclui consultas, pequenas cirurgias e outros procedimentos diagnósticos ou terapêuticos.

A colangiopancreatografia retrógrada endoscópica ou CPRE é um exame indicado para avaliação diagnóstica e tratamento das doenças que acometem as vias ou canais biliares intra e extra-hepáticos (colédoco) e o canal pancreático principal (duto de Wirsung). As principais manifestações das doenças, que causam lesão nos dutos pancreáticos e biliares, são icterícia (olhos e pele amarelada), dor abdominal, febre e alterações bioquímicas nas enzimas hepáticas e pancreáticas. Esses sinais e sintomas podem ser decorrentes de cálculos e tumores (colangiocarcinoma) biliares, tumores e cistos pancreáticos, pancreatite crônica, doença crônica parenquimatosa do fígado e estenoses (estreitamentos) inflamatórias ou pós-cirúrgicas das vias biliares.

O procedimento é realizado em Centro Cirúrgico e com médico anestesista.

Colonoscopia é o exame endoscópico do cólon (intestino grosso) e muitas vezes também do íleo terminal (porção final do intestino delgado). Além da inspeção da superfície intestinal, a colonoscopia permite também a realização de biópsias que podem ser úteis no estabelecimento do diagnóstico. Procedimentos terapêuticos também podem ser realizados durante a colonoscopia e entre eles, o mais frequente é a polipectomia que é a remoção de pólipos.

Para a realização da colonoscopia é muito importante que se faça um preparo intestinal para que os resíduos sejam removidos do interior do cólon e assim o exame pode ser feito com o máximo de segurança e eficácia. Habitualmente, para o preparo intestinal é recomendado dietas, laxativos eventualmente lavagens. Todos as dúvidas em relação ao preparo são esclarecidas em consulta ambulatorial pré procedimento. O procedimento é realizado em Centro Cirúrgico e com médico anestesista.

As complicações relacionadas à colonoscopia podem decorrer do preparo do colón, da sedação, do exame propriamente dito ou de procedimentos complementares realizados.
Pode ocorrer perfuração intestinal durante a introdução do colonoscópio. Em cerca de 0,05% das colonoscopias com finalidade diagnóstica e terapêutica, que pode ser revertida através de procedimento cirúrgico.

É um método não invasivo de medir a atividade elétrica do coração e desta forma diagnosticar muitas alterações presentes no mesmo. A metodologia consiste em se colocar sobre a pele 10 eletrodos, e fazer o registro em papel da atividade elétrica do coração.

São atendimentos que exigem intervenção médica imediata.

Endoscopia Digestiva Alta ou EDA, é um exame que tem como objetivo diagnosticar e tratar algumas das doenças mais comuns do sistema digestivo superior. O exame permite a visualização direta do interior do esôfago, estômago e duodeno.

Para a realização do exame é necessário que o estômago esteja vazio. O paciente deverá permanecer em jejum completo por oito horas. Se houver necessidade do uso de alguma medicação prescrita (por exemplo, anti-hipertensivos) antes do exame, o paciente deve tomá-la com pequeno gole de água. Leite ou de antiácidos não devem ser ingeridos. O uso de grande parte das medicações de uso contínuo pode ser postergado para após o exame. Caso o paciente seja diabético, o exame deve ser marcado para o horário mais cedo possível, e a insulina ou hipoglicemiantes orais devem ser usados após o exame e próximo à primeira refeição do dia.

O paciente deve evitar comparecer com unhas pintadas, porque o esmalte prejudica a monitorização da oxigenação sanguínea durante o exame. O médico estará disponível para explicar o procedimento e tirar dúvidas. O paciente deve informar se já realizou outro exame de endoscopia, se teve alergias ou reações a qualquer medicação. Óculos e próteses dentárias deverão ser removidos.

São exames indicados pelo médico com o objetivo de auxiliar no diagnóstico de algumas doenças. Eles também podem ser utilizados para a realização de exames de rotina e prevenção, conhecidos como check-up.

As radiografias são exames não dolorosos que possibilitam através da emissão do raio-x, a visualização de estruturas do corpo e permitem os médicos a diagnosticar e tratar doenças.

É um exame que utiliza Raios X para o diagnóstico, porém de forma mais precisa que a radiografia convencional, por possibilitar o estudo tridimensional do corpo, sendo hoje, o método de escolha para investigar inúmeras patologias.

Durante o exame, o paciente deita-se em uma maca que passa no centro de um arco, o qual contem o aparelho de Raios X que adquire as imagens das estruturas do corpo a serem examinadas.

As imagens são então analisadas e interpretadas pelo médico radiologista, que emite o relatório descritivo (laudo).

A ultrassonografia é um método não invasivo, utilizado tanto para screening, diagnóstico ou acompanhamento de tratamento de diversas patologias. É uma técnica livre de radiação, portanto segura, principalmente para mulheres grávidas e crianças.

Durante o procedimento, o médico aplica um gel aquoso sobre a área do corpo a ser examinada com um transdutor, pequena câmara manual que possibilita o uso de ondas sonoras para fazer imagens de diferentes órgãos do corpo.

As imagens são interpretadas pelo médico radiologista, que confecciona um relatório médico descritivo. O paciente recebe como resultado o relatório médico (laudo) e as imagens das estruturas analisadas.

Especialidades

É a especialidade médica que se ocupa do tratamento clínico das doenças que acometem vasos sanguíneos (artérias e veias) e vasos linfáticos. Atua em conjunto com a cirurgia vascular.

É uma especialidade odontológica que trata cirurgicamente as doenças da cavidade bucal, face e pescoço, tais como: traumatismos e deformidades faciais (congênitos ou adquiridos), traumas e deformidades dos maxilares e da mandíbula.

É a especialidade médica que se ocupa do diagnóstico e tratamento das doenças que acometem o coração bem como os outros componentes do sistema circulatório.

A Cirurgia Geral é a especialidade base de toda a Cirurgia, da qual derivaram as diversas especialidades cirúrgicas. É a especialidade que se dedica ao tratamento cirúrgico de doenças de vários órgãos e sistemas, como as doenças oncológicas do aparelho digestivo, endocrinológicas, metabólicas ou da obesidade e defeitos anatómicos como as hérnias, utilizando técnicas de abordagem clássicas ou minimamente invasivas como a laparoscopia.

É a especialidade que tem por objetivo a reconstituição de uma parte do corpo humano por razões médicas ou estéticas.

Há a cirurgia plástica reparadora que é realizada visando corrigir deformidades congênitas (de nascença) ou adquiridas ao longo dos anos (traumas, alterações do desenvolvimento, pós cirurgia ancológica, acidentes e outros), procurando, ainda, aprimorar ou recuperar as funções, deixando-as o mais próximo do normal possível.

E há também a cirurgia plástica estética que é realizada visando proporcionar melhorias à aparência.

É a especialidade médica que se ocupa do tratamento cirúrgico de doenças das artérias, veias e vasos linfáticos. Atua junto à Angiologia.

É a especialidade médica que trata de pacientes adultos, atuando principalmente em ambiente hospitalar. Inclui o estudo das doenças de adultos, não cirúrgicas, não obstétricas e não ginecológicas, sendo a especialidade médica a partir da qual se diferenciaram todas as outras áreas clínicas.

É uma especialidade médica cirúrgica, é o estudo das doenças do intestino grosso (colon), do reto e ânus.

É a especialidade médica que se ocupa do diagnóstico e tratamento clínico-cirúrgico das doenças que acometem o maior órgão do corpo humano – a pele. A especialidade engloba ainda as doenças que acometem os anexos cutâneos: cabelos e unhas, bem como as mucosas.

É a especialidade médica que se ocupa do estudo, diagnóstico e tratamento clínico das doenças do aparelho digestivo.

É a especialidade médica que se ocupa do tratamento de adultos e crianças portadores de doenças do sistema nervoso central e periférico, assim como tumores, doenças vasculares, degenerativas, traumas crânio-encefálicos e lesões raqui-medulares passíveis de abordagem cirúrgica.

É um profissional com formação generalista, humanista e crítica, capacitado a atuar visando à segurança alimentar e à atenção dietética, em todas as áreas do conhecimento em que a alimentação e nutrição se apresentem fundamentais para a promoção, manutenção e recuperação da saúde e prevenção de doenças de indivíduos ou grupos populacionais, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida.

É a especialidade médica que cuida das doenças e deformidades relacionadas aos elementos do aparelho locomotor, como ossos, músculos, ligamentos e articulações.

É uma especialidade cirúrgica da medicina que trata do trato urinário de homens e de mulheres e do sistema reprodutor dos homens.

Convênios